Quando abril estava chegando, eles já tinham se consolidado e faziam, enfim, muito sucesso (sobretudo nas redes sociais): os livros de adulto para colorir. Tamanha febre, comecei a pesquisar e me questionar sobre as várias edições propondo o mesmo conteúdo com títulos e páginas tão semelhantes. Decidi não colocar nenhum tipo de livro para colorir em nossos posts mensais porque gosto de manter o foco nas palavras… E apesar de amar desenhar e colorir, acredito que umas duas ou três opções de publicações assim (no mercado editorial) estaria perfeito! Quem sou eu pra dizer? A minha intenção é que, com os dias corridos e as histórias reais, bizarras, lúdicas e fictícias, a gente não esqueça uma coisa: a palavra. ♥ O que vocês andaram lendo em abril?
(*) Quem quiser participar da campanha deve postar uma foto no instagram, mostrando a leitura atual, e usando a hashtag #LeituraJC.  
O que a blogueira andou lendo?
@blogjustcarol [Moda intuitiva; Altos voos e quedas livres; A revolução dos bichos]
Vocês estão lendo algum exemplar deste post?
As coisas que abateriam a maioria das pessoas pareciam não afetá-la. Ou, se ela caísse, logo se levantava. Se tornasse a cair, colava um sorriso no rosto, sacudia a poeira e seguia em frente. Ele nunca conseguia entender se aquilo era a coisa mais heroica ou mais idiota que já vira. (Jojo Moyes, trecho de Um mais um)